Pilotar o avião com sucesso foi tão opressor que não consegui abrir os olhos